O problema da restituição em Tomás de Aquino

  • Vitor Leandro Kaizer Universidade do Vale do Rio dos Sinos

Resumen

No presente artigo tratou-se sobre a Questão 62 da Secunda Secundae, da Suma Teológica de Tomás de Aquino. O objetivo principal foi apresentar e discutir a perspectiva do filósofo sobre o problema da restituição. A relevância desta pesquisa está no fato de que o tema tratado apresenta consideráveis discussões acerca de problemas extremamente atuais; sobretudo, porque a restituição, segundo Tomás, visa restabelecer um estado de harmonia social e individual e, portanto, é essencial ao bem estar social. Sendo assim, apresentaram-se os oito artigos pertinentes à restituição e se trabalhou no sentido de fazer aproximações entre as principais ideias expostas. Deste modo, foi possível chegar à conclusão de que o tratamento que o filósofo dá ao problema provém de uma análise racional sobre o imperativo da justiça para o convívio social e que a restituição é um meio de estabelecer novamente o equilíbrio social e o bem estar individual quando a justiça tenha sido ferida.

Biografía del autor/a

Vitor Leandro Kaizer, Universidade do Vale do Rio dos Sinos

Vitor Leandro Kaizer es licenciado en Música por el Instituto Superior de Educação Ivoti (ISEI) y actualmente cursa una maestría en Filosofía en la Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Asimismo, se desempeña como profesor regular del municipio de Estância Velha, Rio Grande do Sul (Brasil).

Publicado
2020-06-08
Sección
Artículos